Pesquisar
Pesquisar
Ir para o site
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Criança na moto: qual a idade mínima para andar de moto?

Se você tem dúvidas sobre qual a idade mínima para andar de moto, saiba que a partir de abril de 2021, a idade mínima para levar uma criança na garupa da moto vai aumentar de 7 para 10 anos. A mudança, instituída pelo artigo 244 da Lei n° 14.071, busca aumentar a segurança no trânsito e proteger a integridade de crianças pequenas.

Descumprir a nova regra resulta em infração gravíssima para quem conduz a moto, multa de R$ 293,47 e suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Além disso, a moto fica retida até a regularização da situação.

Porém, a idade para criança andar de moto não é a única condição para transportar criança na garupa. O artigo 244 deixa claro que crianças maiores de 10 anos que não tenham, nas circunstâncias, condições de cuidar da própria segurança também ficam proibidas de andar de moto. 

Ou seja, a criança pode andar de moto acima dos 10 anos se não tiver os problemas como:

  • não possuir altura para alcançar a pedaleira;
  • não usar roupas apropriadas para moto;
  • ou até estar com um braço engessado podem ser motivos para aplicação da lei.

Sabia que crianças podem praticar motocross? Confira nosso artigo sobre a mini moto de trilha para os pequenos!

Não basta só a idade para andar de moto, confira dicas para levar criança em moto com segurança:

Muitas pessoas se sentem mais seguras em levar crianças sentadas no tanque da moto pela possibilidade de segurar a passageira com a mão. Porém, essa é uma sensação falsa. Além de dificultar a pilotagem, a criança pode ser projetada para frente ao frear e o risco de acidente aumenta muito. Por isso, mais importante do que com quantos anos criança pode andar de moto, é ela estar na garupa, abraçada ao corpo da pessoa que pilota a moto, podendo alcançar a pedaleira para se sentir mais segura. A alça não serve para a criança andar de moto, ela deve ser usada apenas para passageiros mais velhos.

1 – A primeira coisa a fazer é montar na moto e se organizar. A criança sobe apenas quando estiver tudo pronto para sair. Abra as pedaleiras, pare perto da calçada, abrace o tanque com as pernas e use o freio dianteiro para estabilizar a moto. A criança nunca deve tirar os pés da pedaleira, mesmo com a moto parada.

2 – Explique que ela precisa ficar reta e firme na garupa. O peso extra muda o equilíbrio da pilotagem e o comportamento da moto. Então, você deve acelerar e frear de maneira mais suave. É possível sentir se sua pilotagem está muito brusca pela força da criança ao segurar e pela batida do capacete dela contra você. Uma boa dica para frenagem é dar um toque no freio traseiro primeiro, seguido pelo dianteiro.

3 – Pilote em velocidade reduzida e faça curvas menos inclinadas. Ensine a criança a “seguir o mestre” nas curvas. Diga a ela para olhar pro lado que você está virando e acompanhar os movimentos do seu corpo.

4 – Por fim, não se esqueça dos equipamentos de segurança. Criança e moto exige atenção redobrada: ela precisa usar um capacete infantil que não fique folgado na cabeça. Além disso, coloque jaqueta, calça, botas ou sapatos fechados e luvas nela. Calibre os pneus antes de sair e nunca leve mais de uma criança ao mesmo tempo na moto.

Não se preocupe somente com quantos anos pode andar na garupa da moto, mas com todos os equipamentos e cuidados necessários para que ela viaje com segurança e você, mais tranquilo.

Proteção para você pilotar com segurança

Faça nosso seguro essencial de roubo e furto por um custo-benefício incrível e ande sem preocupações. Na Suhai, você encontra um dos melhores atendimentos ao cliente do Brasil e sua moto tem assistência 24 horas em todo o território nacional. Além disso, você também pode ampliar sua proteção com nossa cobertura opcional de perda total por colisão/danos. Fale com seu corretor ou acesse suhaiseguradora.com/seguro-moto

Fontes: AutoPapo, Autoesporte e Infomoto.