Faça sua cotação

É Essencial. É Seguro. É Suhai.

BLOG DO CONDUTOR

Segurança na Estrada: 7 dicas para motoqueiros encararem a chuva

Publicado por Vanessa Luchini em 06-06-2018 10:00

Segurança na Estrada: 7 dicas para motoqueiros encararem a chuva

Não importa se você é um piloto profissional ou amador, dirigir uma moto debaixo de chuva nunca é agradável. Mas se um temporal te pegou desprevenido e não há alternativa a seguir adiante, é hora de redobrar a atenção e lançar mão de toda a sua habilidade para garantir a segurança na estrada.

Aqui vão sete dicas muito importantes para que, nos dias de chuva, você se sinta um “peixe dentro d'água!”

1. Precaução é tudo!

Como ninguém controla a natureza, a chuva pode aparecer de imprevisto, sobretudo durante o verão e seus conhecidos temporais! Portanto, se possível sempre ande com roupas de chuva na moto, seja na parte debaixo do assento ou no baú.

E se há uma ameaça de pancadas de chuva ou as gotas começaram a cair, saia de casa já vestido com as roupas adequadas. Mesmo que leve mais tempo e seja até um pouco incômodo, é melhor se vestir no seco e manter a roupa de baixo intacta do que ter que parar sob a chuva para se trocar. Além de pouco prático é extremamente perigoso, principalmente se você estiver em uma estrada.

2. Atenção às botas de chuva

A melhor maneira de não molhar os pés é colocando uma bota de chuva de cano médio ou alto. Tenha ainda no seu “kit chuva” um par de meias para poder trocar caso entre água pela panturrilha.

E o mais importante: devido à sola emborrachada e grossa, é normal sentir diferença no contato dos pés com os pedais. O cuidado, portanto, deve ser redobrado!

3. Com...tato!

Quando dirigimos sob condições mais críticas, todos os movimentos devem ser reduzidos em comparação aos adotados no tempo seco. É preciso ser extremamente cauteloso, marcando bem cada movimento e evitando ações bruscas.

Busque inclinar-se o mínimo possível, para que a área de contato do pneu com o solo seja maior. As acelerações também devem ser suaves e os semáforos podem ser as primeiras armadilhas, porque acelerar acentuadamente em uma passagem para pedestres pode nos fazer perder o controle, mesmo sem perceber.

4. O desafio do capacete

Dirigir com a chuva caindo no capacete é desagradável e perigoso. Além da dificuldade de enxergar, a respiração com o capacete todo fechado acaba embaçando a viseira. Para evitar isso, é aconselhável deixá-la um pouco aberta para que o ar possa circular. Se não for possível, use uma cobertura nasal.

Para os precavidos, as dicas são: lave a viseira com detergente para repelir a água e use um spray anti-embaçante. Ah, e fique atento ainda ao vapor dos espelhos retrovisores, que embaçam rapidamente ao entrar em um túnel, por exemplo.

5. Distância segura

Este ponto já é necessário, e se torna ainda mais obrigatório em dias de chuva. Por isso, dobre a distância de segurança entre você e o veículo à frente. Desta forma você ganha mais tempo para reagir com antecedência e ainda evita levar um banho de água das rodas do carro.

Antecipar e prever os movimentos dos outros para não ser de surpresa deve ser uma constante no bom manual de qualquer motorista ou piloto.

6. Pneus em dia e luzes acesas

Como a largura dos pneus de moto não permite evacuar tanta água quanto as quatro rodas de um carro, a importância de um bom pneu é ainda maior. Um modelo misto com boas ranhuras é a solução. Nestes casos, as scooters de rodas altas apresentam um desempenho melhor devido à sua maior estabilidade.

Quanto às luzes, deve-se sempre dirigir com as luzes dos faróis ligadas.

7. Preservando a moto

Tenha sempre dois panos secos no seu “kit chuva”. O primeiro você usará quando chegar ao destino, para secar as partes mais sensíveis de moto, como o painel de instrumentos, discos de freio etc. O segundo para secar o assento na hora de voltar. E, passada a chuva, lembre-se de lubrificar a corrente da moto.

Sabia que a sua moto é aceita pela Suhai Seguradora, com um preço até 80% menor que o seguro completo? Confira!

Somos especialistas em cuidar do que é seu e por este motivo, aceitamos sua moto de qualquer marca, modelo ou ano, e ainda com preços que chegam a custar até 80% mais baratos que um seguro completo!

Quer mais? A assistência 24h atende todo o Brasil para qualquer eventualidade de pane, colisão, pneu furado e atendimento domiciliar em caso de furto e roubo.

Peça uma cotação personalizada para seu corretor. Se não tiver, solicite um no site da Suhai Seguradora: https://suhaiseguradora.com

Cotação seguro roubo furto moto

Categorias: Moto

Escrito por Vanessa Luchini

Vanessa Luchini é a coordenadora de marketing da Suhai Seguradora. Com mais de 15 anos de experiência atuando em grandes Agências de Publicidade, ela cuidou de importantes marcas e empresas de diversos segmentos, desde redes de varejos até líderes em tecnologia e bancos. Mais do que ninguém, ela acredita na responsabilidade do marketing como moderador entre produtos e pessoas. Para ela, a internet não permitiu apenas a conexão entre computadores, mas também foi responsável por conectar empresas com seu público, gerando uma relação mais honesta e transparente. Apaixonada por cães, dançar e curtir a família.


Últimas notícias

Assine nosso blog para receber nossos artigos por e-mail

eBook: Será que meu carro pode ser segurado?
New Call-to-action
eBook - Seguro para caminhão