<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1495887834065472&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Faça sua cotação

É Essencial. É Seguro. É Suhai.

BLOG DO CONDUTOR

Como funciona o seguro de carros especiais?

Publicado por Patrick Faria em 24-04-2017 13:42

como-funciona-o-seguro-de-carros-especiais.jpg

Você possui um carro modificado, um esportivo importado ou um veículo de colecionador? Então, você provavelmente já sabe que para fazer seguro de carros especiais o valor pode chegar a quantias absurdas.

Como em qualquer ramo, serviços de alto nível têm um custo elevado. Uma peça simples como o retrovisor de um veículo desses pode chegar ao preço de um carro popular completo. Confira abaixo algumas particularidades da contratação desse tipo de seguro:

Você tem um carro esportivo usado?

Voce-tem-um-carro-esportivo-usado.jpg

Um aspecto que as seguradoras levam em conta é quanto ao uso que você faz do carro. É um veículo utilizado todos os dias ou só nos fins de semana? Além disso, o espírito encorajado aos donos de carros esportivos é justamente o de aventura. Em outras palavras, correr.

Como o risco de acidentes com carros esportivos é maior, podemos encontrar algumas situações incomuns. Por exemplo, a apólice de um veículo mais caro, porém não esportivo, pode sair mais barata.

As peças de carros esportivos recebem maior exigência e, por isso, podem se desgastar mais rápido do que as de carros de passeio comuns. Sendo assim, vão precisar ser trocadas com maior frequência.

Você modificou o seu veículo?

Voce-modificou-o-seu-veiculo.jpg

A forma mais segura de se manter um carro e, por consequência, ter uma apólice mais barata, é manter o veículo do jeito que ele saiu da fábrica. Como ficam os carros com modificações na suspensão ou em qualquer aspecto aerodinâmico, alterações estéticas ou mecânicas?

Algumas seguradoras exigem que o carro seja todo original para fazer o seguro. Muitas não cobrem itens adicionados, como rodas de aro maior, aerofólios, pedaleiras e câmbios especiais, revestimento de banco e volante etc. Isso aumenta o seu prejuízo caso alguma dessas peças seja roubada ou danificada.

Lembre-se: muitas alterações requerem autorização legal e devem constar na documentação do veículo. Algumas seguradoras especializadas até permitem que esses veículos façam o seguro sem exigir que as adaptações constem no documento. Porém, continuam exigindo que a documentação esteja em dia.

Você é um colecionador?

Voce-e-um-colecionador.jpg

Se você quiser uma cobertura no valor adequado à importância histórica de seu veículo, ele deve cumprir algumas exigências: ter mais de 30 anos de fabricação, manter as características do modelo original, encontrar-se em bom estado e ter certificado reconhecido pelo Denatran.

Quanto aos carros raros que não constam na tabela Fipe, é feita uma pesquisa junto aos clubes de colecionadores. A partir dessa análise é tirada uma média do valor da apólice.

Ao calcular o valor da apólice, as seguradoras levam em consideração o preço e a dificuldade de encontrar peças de reposição. Por isso, um modelo mais novo, por exemplo, pode ter um seguro mais barato do que modelos mais antigos.

Existem veículos com peças que nem são mais fabricadas. Por isso, algumas seguradoras e oficinas especializadas precisam manter peças de reposição estocadas por anos. Isso acarreta em um alto investimento dessas empresas e, consequentemente, o valor é repassado para você.

O que observar ao fazer um seguro para carros especiais?

O-que-observar-ao-fazer-um-seguro-para-carros-especiais.jpg

Se você investe essa quantia em um veículo é porque realmente ama carros. Por isso é tão importante que você gaste um tempinho para procurar uma seguradora de confiança que possa proteger o seu patrimônio.

Pense em quanto chama a atenção um carro de alto luxo estragado no meio de rua. Nesse caso, um reboque teria de chegar o mais rápido possível. Então, é imprescindível que seu seguro inclua proteção contra furtos e roubos, além de ter assistência 24 horas.

Por incluírem tantos valores altos, não é toda seguradora que vai firmar essas apólices. Como são muitas as exigências, torna-se um pouco mais difícil encontrar uma que faça o seguro  por um preço verdadeiramente justo.

Pesquise e contrate uma empresa que já esteja habituada a fazer seguros para carros especiais. As seguradoras segmentadas para esse tipo de veículo normalmente têm uma relação custo-benefício melhor do que as convencionais.

Uma dica: cuidado com quem opera sem estar regulamentado pela SUSESP, como é o caso de empresas de rastreamento que trabalham com “seguros piratas”. Ao contratar uma empresa assim, você assume o risco de ficar sem a sua indenização.

Se deseja fazer uma cotação em uma seguradora especializada nesta cobertura exclusiva de Furto e Roubo, e que aceita todos os  modelos de carros, sem restrição de marca, ano ou modelo, indicamos a Suhai Seguradora. Entre já em contato com um corretor que trabalhe com a Suhai Seguradora e solicite sua cotação de seguro veicular! Se não tiver um corretor, solicite um no site da Cia. www.suhaiseguradora.com

Aprendeu como funcionam os seguros para carros especiais? Assine nossa newsletter e aprenda mais detalhes sobre seguros automotivos. Até a próxima!

Fonte de imagens: http://suhai.sg/2pugnaa http://suhai.sg/2pu43Xa http://suhai.sg/2pr4lBj http://suhai.sg/2oGbOLu 

Cotação seguro roubo furto carro

 

 

Categorias: Segurança, Prevenção, Carros

Escrito por Patrick Faria

Patrick Faria é o coordenador de marketing da Suhai. Para ele, a comunicação é fundamental para conectar as pessoas. O que mais fascina o marqueteiro é saber que ele pode interagir, dividir conhecimento e trocar experiências com diversas pessoas em qualquer lugar. Patrick também adora cozinhar e criar novos pratos. Ele acredita que a culinária é uma mistura de arte e química.


Assine nosso blog para receber nossos artigos por e-mail

eBook: Será que meu carro pode ser segurado?
Seguro para Moto