<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1495887834065472&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Faça sua cotação

É Essencial. É Seguro. É Suhai.

BLOG DO CONDUTOR

Afinal, quais são os carros mais roubados no Brasil?

Publicado por Patrick Faria em 09-06-2017 14:16

afinal-quais-sao-os-carros-mais-roubados-no-brasil.jpg

Dizer que o brasileiro é apaixonado por carro pode ser clichê, mas é uma grande verdade. O problema é que entre os tantos apaixonados também estão os ladrões, que se apaixonam pelos carros dos outros.

Com isso, de acordo com o 10º Anuário Brasileiro de Segurança Pública, entre 2014 e 2015, mais de um milhão de veículos foram roubados ou furtados no Brasil. Os dados desse levantamento, que é o mais recente do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, indicam que um carro é roubado ou furtado a cada minuto no país.

Mas, afinal, quais são os carros mais roubados no Brasil? Confira o ranking obtido em levantamento que fizemos a partir do Índice de Veículos Roubados (IVR) da Superintendência de Seguros Privados (Susep).

Carros mais roubados no Brasil: metodologia

Como são muitas as variáveis, o levantamento considera os modelos nacionais de passeio em produção que estavam segurados e foram roubados no segundo semestre de 2015, conforme o último relatório do Sistema de Estatísticas de Automóveis da Susep (Autoseg), considerado pelo IVR.

O IVR divide o número de sinistros ocorridos pelo número de carros expostos. Sendo assim, o ranking foi ordenado do maior para o menor IVR e não pelo número de sinistros ocorridos.

Confira os campeões de roubo!

1º lugar:

hyundai-hb20.jpg

O compacto da Hyunday tem uma carreira brilhante no ranking dos carros mais roubados. Ele saltou do 10º lugar onde estava no primeiro semestre de 2015 para a liderança absoluta na preferência dos ladrões.

Dos pouco mais de 122 mil HB20s segurados, 2037 foram roubados ou furtados de seus donos, apresentando IVR de 1,67%.

Produzido no Brasil desde 2012, o carro entrou no país com a proposta de ser a versão mais popular da Hyunday. Com versões que vão de R$55 mil a quase R$64 mil, o carro agrada bastante o público jovem e também os amigos do alheio.

 

2º lugar:

VW-Voyage.jpg

A versão sedan do Gol foi produzida com grande sucesso no Brasil entre 1981 e 1996. Descontinuado por 12 anos, ele retornou ao mercado em 2008, atraindo a atenção do público e dos ladrões. Tanto que dos cerca de 110 mil Voyages segurados, 1584 foram roubados, de acordo com o relatório do Autoseg, colocando o IVR do veículo em 1,44%.

O compacto da Volkswagen chegou ao mercado inteiramente renovado, cativando o interesse de famílias, com filhos pequenos. Desde que foi lançado, o carro passou por alguns facelift. O modelo 2017 recebeu a mesma frente do novo Gol e também a motorização do Up, com motor três cilindros.

Os preço parte dos R$41 mil.

 

3º lugar:

Fiat-Palio-Weekend-Attractive-2017.jpg

O Fiat Palio Weekend é uma versão station wagon do tradicional Palio. Lançado no Brasil em 1997 o carro recebeu várias motorizações e modelos robustos, com acessórios aventureiros. Mesmo assim, é um carro muito procurado por famílias. O preço inicial é de R$57 mil.

O IRV do Weekend é de 1,38%. Dos quase 54 mil carros segurados, 785 foram roubados.

 

4º lugar:

Fiat-Palio.jpg

Os ladrões gostam mesmo de Fiat. Tanto que roubaram 1003 dos cerca de 74 mil desses modelos que foram segurados, colocando o IRV na marca de 1,36%.

Com preços a partir de R$46 mil, na motorização 1.4, o Palio está em produção no Brasil desde 1996. O carro tem um apelo jovem e costuma ser o primeiro veículo de muitos consumidores.

 

5º lugar: Volkswagen Fox acima de 1.0

fiat-fox.gif

Vendido na América Latina e na Europa, o Fox está em produção no Brasil desde ano 2000 e já passou por várias transformações. O hatchback tem versões de duas e de quatro portas e está na terceira geração, que foi inspirada no primo alemão Golf Mark VII.

Com preços a partir de R$50 mil na motorização 1.6, o Fox teve 1249 unidades roubadas, das mais de 95 mil unidades seguradas, marcando um IVR de 1,31%

 

6º lugar: Volkswagen Gol acima de 1.0

VW-Gol-2016-Comfortline.jpg

O icônico Gol está em produção no Brasil desde 1980. Depois do Fusca, é considerado o maior sucesso da Volkswagen. Já foram produzidas cerca de 9 milhões de unidades do Gol, que também é muito querido pelos ladrões.

Tanto é assim que 1.014 Gols dos mais de 81 mil segurados foram roubados, colocando o IVR na marca de 1,25%.

Na motorização 1.6, o preço do carro parte de cerca de R$41 mil.

 

Fique fora da estatística 

fique-fora-da-estatistica.png

São muitos os fatores que contribuem para que um carro seja roubado, porém, a maior parte deles pode ser evitada. Há casos em que o descuido é determinante para que um roubo ocorra. Em outras situações, a falta de equipamentos de proteção pode contribuir para que haja a ocorrência, mas independente destas e outras ações, para que não haja perdas irreparáveis, a melhor solução ainda é o seguro. 

Segue abaixo alguns cuidados básicos podem diminuir as situações de risco.

Atitudes

atitude.png

Procure sempre verificar se o seu carro está realmente trancado e não confie completamente nos sistemas automáticos de trava, que podem falhar.

Quando chegar à sua casa, principalmente no período da noite, observe se na rua não existe alguma movimentação estranha. Em caso de suspeita, continue dirigindo até encontrar uma unidade policial que possa lhe atender.

Instalar câmeras de segurança do lado externo do imóvel também ajuda. Assim, antes de sair da garagem, é possível observar se não existem possíveis ladrões rondando a região.

Adicionalmente, procure não parar em ruas mal iluminadas e em pontos muito distantes do local aonde você vai. Se possível, prefira estacionamentos pagos, onde seu carro ficará mais protegido.

Por fim, andar com a chave do carro na mão é um ótimo chamariz para os ladrões. Portanto, procure não fazer isso. 

 

Equipamentos

Equipamentos.jpg

Sistemas de alarme, travas e sistemas de corte de combustível podem ajudar a evitar roubos, muitas vezes como inibidores. O uso de rastreadores também favorece a procura do carro, em alguns casos, caso o roubo seja inevitável, mas vale ressaltar que esse tipo de equipamento é útil, pode ajudar na recuperação do bem, mas suas chances reais de localização não passam de 50%.

 

 

Faça seguro

faca-seguro-2.jpg

De fato, existem situações em que não há como evitar que o roubo aconteça. Mesmo com todos os cuidados e com todos os equipamentos instalados, o ladrão pode encontrar uma oportunidade para agir, inclusive com o uso de arma e de violência.

Sobretudo, jamais reaja em circunstâncias como essa. É muito mais sensato fazer um seguro automotivo.

Se você tiver um seguro completo para seu veículo, haverá a tranquilidade de que todo o prejuízo que você tiver com um roubo será indenizado pela apólice, mas caso não consiga fazer um seguro com todas as coberturas, seja pelo preço alto ou até mesmo pelo modelo do seu veículo não ser aceito nas seguradoras tradicionais, melhor que arriscar a sorte deixando seu veículo apenas com alguns equipamentos antifurto, é fazer um seguro de cobertura de Furto e Roubo, seguro este que garante a indenização do seu bem, caso ele não seja localizado num eventual sinistro.

A Suhai Seguradora, por exemplo, oferece com exclusividade esta modalidade seguro, e seu preço chega a custar até 80% mais barato que um seguro completo. Além disso, oferece assistência 24h em todo Brasil, ausência de franquia e um processo simplificado de contratação.

Procure seu corretor e faça uma cotação sem compromisso. Se não tiver um corretor, solicite um no site da seguradora.:www.suhaiseguradora.com 

Agora que você já sabe quais são os carros mais roubados no Brasil, confira também as motos preferidas dos ladrões

fonte de imagens: http://suhai.sg/2qMPMYX http://suhai.sg/2qMWOwJ http://suhai.sg/2q9PN5U http://suhai.sg/2qcofMp http://suhai.sg/2rIVQj1 http://suhai.sg/2q36QKT http://suhai.sg/2rL23u2 http://suhai.sg/2qcdERI http://suhai.sg/2r9txgR http://suhai.sg/2q9yWjJ 

Cotação seguro roubo furto carro

 

 

Categorias: Segurança, Prevenção, Carros

Escrito por Patrick Faria

Patrick Faria é o coordenador de marketing da Suhai. Para ele, a comunicação é fundamental para conectar as pessoas. O que mais fascina o marqueteiro é saber que ele pode interagir, dividir conhecimento e trocar experiências com diversas pessoas em qualquer lugar. Patrick também adora cozinhar e criar novos pratos. Ele acredita que a culinária é uma mistura de arte e química.


Assine nosso blog para receber nossos artigos por e-mail

eBook: Será que meu carro pode ser segurado?
Seguro para Moto